Tag: soluções práticas

Separando ambientes

 • 

mont4

Muitas vezes, temos vários ambientes lindos, mas que se confundem ou precisam de uma separação sem ser através de paredes ou bloqueio total, para não atrapalhar vários fatores, tais como: ventilação, iluminação, percurso, dentre outros. No entanto, como as casas estão cada vez menores, fica difícil conseguir esta separação e integração simultâneas, sem perder o precioso espaço. E eu também passo por esse dilema! E, na procura por ideias para solucionar o meu problema que, no caso, é um vão de porta que dá acesso direto à entrada do banheiro social, sendo visto logo quando se entra em casa. Ainda estou decidindo qual a melhor opção no meu caso, mas confesso que gostaria de ter mais outros dilemas para colocar em prática várias soluções charmosas encontradas como vocês podem ver a seguir:

mont mont2 mont3

E aí? Alguém já aplica alguma dessas, ou outras ideias e gostaria de compartilhar sua experiência e ajudar a ajeitar o nosso lindo cafofo?? Em breve postarei o bendito vão, e a ideia que tive (ou não! rsrs!)

Beijos e boa semana!

Kit Suco Verde Pronto

 • 

12

Como a postagem do Gelinho de Couve-folha foi um sucesso, agora é a vez do Kit Suco Verde. Com o dia a dia corrido, muitas vezes sem o tempo para fazer os gelinhos verdes (relembrem como faz aqui), fiquei um tempo sem tomar este suco que nos faz tão bem e nos deixa super nutrida. Foi, então, que fui atrás de algo mais prático ainda que já tinha pensado em fazer e é na mesma ideia do Gelinho da couve: separar em sacos de congelamento os ingredientes já certos para um copo de suco.

Na semana anterior, quando comprei o abacaxi, já havia descascado e congelado fatiado, pois facilita muito na hora de fazer suco, não estraga e se quisermos comer como fruta na hora do lanche, é bem gostoso comê-lo congelado ou geladinho. Então, nesta semana, cortei os ingredientes que faltavam para o kit. Este kit verde pode variar, aliás, é ideal que sempre seja variado para não enjoarmos e sempre estarmos consumindo vários nutrientes diferentes.

11

Nesta remessa, fiz 10 kis verdes contendo:

- 01 couve-folha

- 1/4 de maçã

- 01 fatia média de abacaxi

- 01 pedaço de gengibre de 2cm (+-)

- 01 pedaço de pepino de 2 a 3 cm

- 01 pedaço de cenoura de 3cm (ou mais)

Muitos podem estar se perguntando onde está o Gelinho da Couve-folha que ensinei há um tempo e se coloquei errado nos ingredientes acima. Mas, não!!! Depois de algumas pesquisas, constatei o que já imaginava: podemos congelar a folha inteira. Quem quiser, pode, depois de lavá-las, colocar em um recipiente a folha e ir tirando ou partindo (sim, quebrando mesmo), os pedaços que deseja usar. Eu resolvi já colocá-la, enrolada dentro dos kits e quando quiser, só tirar o saco, jogar no liquidificados e beber!!!

DICA EXTRA: Para que a maçã e outras frutas não oxidem, antes de colocá-las dentro do saco, passei em um suco de meio limão. ;)

Fiz 10 sacos para ter uma margem de 2 dias, caso não consiga fazer no próximo final de semana. A ideia é fazer 30 saquinhos, que valerão para o mês inteiro, mas faltaram os saquinhos.

Ah…Continuo adorando fazer os gelinhos. Mas, na hora da praticidade, enrolar foi a solução, já que não se perde seus nutrientes também desta forma.

E aí, gostaram? Nada de desculpas mais, não é?

Esmalte quebrado no taco: açúcar resolve?

 • 

1.1

Quando há uma dica caseira compartilhando nas redes sociais, a primeira coisa que o SMMC faz é tentar fazer o teste e mostrar para vocês se, realmente, funciona. Quando não acontece aqui, mas a ideia é bem bacana, compartilho para quem quiser tentar e dizer se funciona mesmo. Mas, desta vez, um dos vidros da minha coleção de esmaltes caiu no chão de taco. Lembrei da dica e realizei exatamente todo o processo compartilhado; ou seja, assim que o vidro de esmalte cai e quebra no chão, fazendo aquela sujeira toda, joga açúcar em boa quantidade em cima para que este absorva. Alguns passaram 15 minutos e deu certo… Como prevenção, resolvi deixar 1 hora para sugar bem e ter certeza se funcionou ou não. Então, vamos ao teste::

2.23.3

Passados os 60 minutos, todo o açúcar foi retirado do taco e não resolveu o problema. Algumas pequenas partes, até funcionaram, mas não chegam nem a 10% de toda a sujeira!!!

A solução foi passar, delicadamente, algodão embebido com acetona (e cruzando os dedos para não manchar o piso de madeira) e, finalmente, saiu tudo!!!

Embora não tenha dado certo no piso de taco, pode ser que em pisos de cerâmica saia completamente. Espero não ter que quebrar outro esmalte e que este caia na parte de cerâmica… Hahahaha Mas, se acontecer, farei novo teste!!!

Alguém já fez em outros pisos??? Conta pra gente se deu ou não certo!!! :)

Uma linda semana à todos.

Gelinho de Couve-folha

 • 

Feliz Ano Novoooooo!!!! Hahahahaha Ué, ainda não tinha aparecido aqui, desde então, né?! Então, desejo um ano maravilhoso para todos e para começar com um super pé direito, estou pensando e bolando vários posts para tornar a vida da gente melhor, tanto física, quanto mentalmente e espiritualmente. E hoje, é a vez do maravilhoso gelinho de couve que muitas leitoras já tinham pedido para ensinar e aqui vai o passo a passo bem simples. Sem mistério!!!

Ahhh, e para aqueles que já pensarem num enorrrrrme “eeeeca” (como eu também pensei, quando vi pela primeira vez esta ideia), não é ruim. Aliás, nem se sente o gosto dele, porque uso para fazer um suco em jejum pela manhã e coloco outras frutas e até verduras. Já falei desse suco lá no face e qualquer dia posto eu montando ele para vocês também. Acreditem em mim, assim como acreditei quando me disseram, e use o gelinho nos seus sucos, nas suas comidas, no seu feijão, seja lá onde você quiser. Como ele vai estar congelado, vai durar meses (se não acabar rápido, como é aqui em casa, devido ao meu enorme consumo… hahaha) no freezer.

Para quem não sabe e precisa de um estímulo a mais pra utilizá-lo, saiba que a Couve-folha, por ter o magnésio em parte da sua clorofila (a substância verde que dá esta cor para ela), renova as células do nosso corpitcho. Ou seja, gatos, ela dá um UP no visual, porque rejuvenesce. Além disto, ela ainda:

- Ajuda a eliminar gordura;

- Melhora o humor;

- Regula os hormônios;

- Desintoxica o organismo (dos conservantes e produtos químicos que tem todos os alimentos que ingerimos ao longo da vida);

E………………………………. o THE BEST………………… O MELHOR………..

- Combate a celulite!!!!!!!!!!! #mulheradaindoaloucura

Eu viciei, e vocês, vão também?! Alguém já toma???? Compartilha com a gente a opinião e os efeitos dela na vida de vocês… É mais um estímulo!!!

Salvando os esquecidos e desorganizados

 • 

Eu sou uma pessoa super esquecida, confesso, confesso, confesso… Mas, tenho sempre buscado criar técnicas para que isto não aconteça, porque sou extremamente perfeccionista (e isto não é nada bom, eu também sei…) e esquecer me deixa muito indignada. hahahahaha Mas, mesmo assim, acontece, e eu tento “aceitar”.

Só que tem coisas que a gente não pode esquecer, como tem outras que se não for lembrada, atrapalha nosso dia-a-dia, porque perdemos muito tempo procurando, lembrando, organizando. Então, para os esquecidinhos (e desorganizados de plantão, tipo eu, também que, embora seja organizada, não sou nem 1/3 do que queria ser e sempre rola uma baguncinha…) etiquetar é a solução. Como diz meu irmão para tudo que é muito bom: é vida! hahahaha

Daí fui  buscar algumas ideias pra me ajudar e ajudar vocês a entrarem em 2014 com a casa e a vida mais etiquetada, ops, organizada. :D E tem umas que fiquei pensando: “Que massa!!! Como não pensei antes nisso?!”. Vocês também se pegam pensando assim? Porque eu vivo. Hahahaha

Olha só o que dá pra etiquetar, gente:

Separar as comidas por categorias.

Sim, eu sei que alguns já devem ter visto esta ideia, achou legal, mas não fez e o armário continua uma zona. Gente, usar cestos para organizar em categorias é uma sensacional solução, não só para quem não tem muito espaço, mas para quem quer aproveitar todo o espaço que tem, até nos locais mais altos. Sem contar que esteticamente é muito mais bonito, né?! Preciso de cestas assim para organizar itens que não costumo usar com frequência e aproveitar o vão que fica acima do armário da cozinha, totalmente perdido, e servido de criação de poeira (ô local chato pra limpar e pra sujar…).

 

Separar as comidas mais utilizadas e menores em recipientes etiquetados individualmente e, de preferência, transparente. 

É o mesmo raciocínio das categorias, mas aqui são vários potinhos que precisam, sim, estar separados e expostos individualmente, porque são alimentos que são costumeiramente usados e que precisam ser “lembrados” para ser usados na diária e não estragar. Já os das categorias, podem ser guardados em conjunto e quando quiser, puxa e escolhe qual vai querer.

Etiquetar data de abertura de potes e comidas, e os imensos fios de eletrônicos que tem. 

Não quer ter que jogar fora comida desnecessariamente (e seu $$$ também) ou não pegar aquele piriri brabo ao arriscar comer, a solução é etiquetar NA HORA que abriu. Não adianta deixar pra depois, gata. É na hora!!! Depois, fica depois, depois, depois… Por isso, tenha sempre perto de você na cozinha etiquetas e canetas (à prova d´água, se puder).

E se não quer surtar toda vez que precisar procurar o fio que precisa, ficando, muitas vezes um emaranhado pior que cabelo ao vento, é etiquetar e hoje existem vááááárias opções no mercado com este fim. Mas, se quiser economizar, providencie a sua, mas não deixe de fazer. Você vai ver que a sua vida será outra depois disso. Quando resolvi arrastar o rack da sala, desligar todos os aparelhos, limpar cada um e seus fios, e organizar tudo, saí com a alma lavada, juro. hahahaha Voltava lá várias vezes pra ver como ficou bacana. hahahahaha

Organizar em caixas etiquetadas com aquelas roupas que usamos com pouca frequência e/ou são pequenas e podem ser guardadas juntas.

 A melhor ideia master-power-plus que achei foi esta de guardar as roupas do bebê em caixas de plástico transparentes com etiquetas com os meses respectivos que serão usados. Assim, estarão limpas, protegidas e a mamãe aproveitará um super tempo não só por não ter que lavar novamente, como de achar a que quer. Gente, “sensa” isso. Não tenho filho ainda, mas olha aí para as mamães. Amei demais!!!

Local super visível para colocar TODOS os post-it urgentes e importantes que não podem ser esquecidos. 

A minha geladeira é quase um arquivo, porque o que tem de papel preso nela, “não tá no gibi” (aff, quanto tempo não falava isso, que old… hahaha). Escolhi lá porque é o lugar que, com certeza, irei todos os dias ao acordar e vou ver sempre. Confesso que já esqueci mesmo assim, maaaaasss funciona 95% das vezes.

Sensacional etiquetar com fotos dos sapatos ou desenhar com linha os produtos nas caixas.

Sabe o que pensei? Essa ideia do sapato deve ficar muito boa para as bolsas que não usamos muito, ou até que usamos mesmo e que não temos espaço para elas. Vou testar. :D

Nomear os itens da prateleira com letrinhas e quais as ervas em cada pote.

Aqui é para aproveitar os brinquedos dos filhos. Sabe aquele jogo Palavra Cruzada??? É ótimo para fazer estes nomes nas prateleiras, principalmente, se seu filho não usa mais. E claro, pegar aquele giz do quadro negro dele e nomear a sua hortinha. ;)

Digam se não dá pra ser mais feliz assim?! É vida total!!! Vamos adotar???

Beijos e lindo sábado pra vocês.

Imagens: 12 - 34

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...