Tag: frutas

Kit Suco Verde Pronto

 • 

12

Como a postagem do Gelinho de Couve-folha foi um sucesso, agora é a vez do Kit Suco Verde. Com o dia a dia corrido, muitas vezes sem o tempo para fazer os gelinhos verdes (relembrem como faz aqui), fiquei um tempo sem tomar este suco que nos faz tão bem e nos deixa super nutrida. Foi, então, que fui atrás de algo mais prático ainda que já tinha pensado em fazer e é na mesma ideia do Gelinho da couve: separar em sacos de congelamento os ingredientes já certos para um copo de suco.

Na semana anterior, quando comprei o abacaxi, já havia descascado e congelado fatiado, pois facilita muito na hora de fazer suco, não estraga e se quisermos comer como fruta na hora do lanche, é bem gostoso comê-lo congelado ou geladinho. Então, nesta semana, cortei os ingredientes que faltavam para o kit. Este kit verde pode variar, aliás, é ideal que sempre seja variado para não enjoarmos e sempre estarmos consumindo vários nutrientes diferentes.

11

Nesta remessa, fiz 10 kis verdes contendo:

- 01 couve-folha

- 1/4 de maçã

- 01 fatia média de abacaxi

- 01 pedaço de gengibre de 2cm (+-)

- 01 pedaço de pepino de 2 a 3 cm

- 01 pedaço de cenoura de 3cm (ou mais)

Muitos podem estar se perguntando onde está o Gelinho da Couve-folha que ensinei há um tempo e se coloquei errado nos ingredientes acima. Mas, não!!! Depois de algumas pesquisas, constatei o que já imaginava: podemos congelar a folha inteira. Quem quiser, pode, depois de lavá-las, colocar em um recipiente a folha e ir tirando ou partindo (sim, quebrando mesmo), os pedaços que deseja usar. Eu resolvi já colocá-la, enrolada dentro dos kits e quando quiser, só tirar o saco, jogar no liquidificados e beber!!!

DICA EXTRA: Para que a maçã e outras frutas não oxidem, antes de colocá-las dentro do saco, passei em um suco de meio limão. ;)

Fiz 10 sacos para ter uma margem de 2 dias, caso não consiga fazer no próximo final de semana. A ideia é fazer 30 saquinhos, que valerão para o mês inteiro, mas faltaram os saquinhos.

Ah…Continuo adorando fazer os gelinhos. Mas, na hora da praticidade, enrolar foi a solução, já que não se perde seus nutrientes também desta forma.

E aí, gostaram? Nada de desculpas mais, não é?

Como escolher e conservar frutas

 • 

*Como sou recém casada, eu fico completamente perdida na hora de ir ao supermercado fazer as compras, afinal, era sempre meus pais que faziam isso, mais especificamente o meu paizinho que tem essa paciência de jó. Daí, como estou longe de casa (Recife) não dá para ficar pedindo socorro à minha mãe o tempo todo e resolvi trazer para vocês algumas dicas na hora de escolher as frutas para levar e como conservá-las depois. Vale super a pena ler cada uma delas!
Abacaxi - Observe a casca, pois quando a casca passar de verde para amarelada, é sinal que a fruta está madura. Veja se entre cada quadrado da casca, não está muito fundo, pois é sinal que está verde. Se esta malha estiver fechada, demonstra que não está muito doce. Quanto as folhas da coroa, se elas se soltarem com facilidade, é outro indício de que está pronto para consumo. A fruta deve estar firme, sem manchas ou com partes amolecidas. Quanto mais úmida sua base estiver, melhor, pois é sinal que foi colhido recentemente. 
Ameixa - A fruta deve ter sua superfície firme, sem manchas e partes moles. Se estiverem frescas, podem ser conservadas por uma semana na geladeira. Mas, se estiverem maduras, devem ser guardadas por poucos dias na geladeira. Se estiverem um pouco verdes ainda, é melhor deixá-las em temperatura ambiente para amadurecerem melhor. 
Acerola - Escolha aquelas maduras, sem deformações, firmes e com a cor intensa vermelha ou laranja. Como são muito perecíveis, devem ser consumidas logo após a compra. Mas, se quiser mantê-las por mais tempo, lave e seque bem e congele a fruta ou a polpa. 
Abacate - prefira os mais pesados, firmes e que tenham a casca uniforme e sem manchas pretas. Para saber se está pronto para consumo, pressione levemente com os dedos sua casca. Se estiver macia e não mole, está pronta. Deixe em lugar fresco e arejado e sem empilhar para não amassar. Se estiver verde, deixe fora da geladeira. Lembre-se que, depois de descascado, deverá ser consumido imediatamente, pois a polpa fica escura. Se quiser evitar esse escurecimento, regue com suco de limão.
Banana - se for para consumo imediato, escolha as firmes, sem partes moles, com aroma característico, com a casca bem amarela e com pequenas manchas marrons. Já se for para serem consumidas logo, podem ser compradas ainda esverdeadas, já que muito verde não é bom. Procure comprar sempre em penca, pois as bananas soltas amadurecem e estragam mais rápido. Deixe-as em local fresco e seco e não na geladeira, já que assim perdem o sabor e estragam com facilidade.  
Caju - escolha os que possuírem consistência firme, com cor intensa, sem mancha ou machucados. Para conservá-los, já que estragam muito rápido, tente consumir no mesmo dia em que comprar. Mas, caso não consiga, guarde-os na geladeira por até dois dias. 
Caqui - Por possuir uma casca bem fina e a polpa mole, normalmente são vendidos embalados. No entanto, procure comprar o caqui ainda meio verde, firme e com a cor uniforme e sem rachaduras. Se puder comprar ainda com as folhas e o caule é uma forma de prolongar o tempo que o caqui mantém suas características. Se comprar maduro, guarde na geladeira por, no máximo, cinco dias. Mas, se estiverem verdes ainda, embrulhe-os em folhas de jornal para acelerar seu amadurecimento. Lembre-se de lavar apenas na hora de comer. 
Figo - devem ter consistência macia, mas sem serem muito moles e amassados. Guarde na geladeira, por no máximo uma semana, já que se estragam facilmente. 
Goiaba - prefira as que possuem a casca firme (sem ser dura), sem manchas e picadas de insetos (pontos cinzentos endurecidos). Escolha as que não sejam nem verdes nem maduras, já que nestes casos há uma perda rápida do sabor e a diminuição do seu valor nutritivo.
Jabuticaba - prefira as duras e brilhantes, sem rachaduras ou picadas de insetos. Compre apenas a quantidade necessária para o consumo e deixando na geladeira por no máximo três dias, pois elas estragam muito rápido. Deixe para lavar apenas na hora de comer, já que a jabuticaba azeda com facilidade. 
Laranja - escolha as mais pesadas e firmes, pois possuem mais suco. Quando ela começa a amarelar, é sinal de que está mais doce. As laranjas muito grandes podem ter suas extremidades secas e o centro aguado. Nas variedades da laranja, as que possuem a casca lisa são sempre mais suculentas das que possuem a casca fina. Deixe em lugar fresco arejado, sem ser na geladeira.
Limão - Para saber se está no ponto, veja se a casca está lisa e fina, cedendo levemente à pressão. Devem ser escolhidos ainda os mais pesados e sem manchas. Não adianta observar a cor, pois o limão poderá estar maduro e continuar verde.
Melão - Escolha a que for mais pesada, por ser mais polpuda e doce, que não tenha rachaduras e que sua cor seja viva. Quanto mais forte for a sua cor, melhor e, se atingirem uma tonalidade alaranjada, é ainda melhor. Veja também o “bico” do melão (extremo oposto de onde é colhida), apertando de leve e, se estiver macia – e não mole, a fruta estará madura. É bastante resistente e durável e por isso, se compradas verdes, duram até um mês. Se compradas maduras e prontas para consumo, ainda duram uma semana. Mas, se abertas, melhor conservar na geladeira. 
Maçã - prefira aquelas que tenham a casca lisa e brilhosa, sem depressões ou machucados, com a cor mais viva e que sejam mais firmes e pesadas em relação ao tamanho. Aquelas que possuem a casca verde ou avermelhadas são mais suculentas. Já as que possuem tonalidade rajada em verde e vermelho, são mais ácidas. Por durarem bastante, podem ser guardadas em local fresco e arejado ou na gaveta da geladeira. 
Mamão - escolha aquele que tiver a casca firme e limpa, sem rachaduras ou machucados, partes escuras ou picadas de insetos. Quanto a sua cor, os amarelos apodrecem mais rápidos e os verdes podem se tornarem podres diretamente. Então, procure um intermediário. Quanto ao tamanho, os menores (como o mamão papaia) são mais saborosos. Se estiver maduro, leve à geladeira e consuma o mais rápido que puder. Mas, se ainda não estiver, deixe em temperatura ambiente e longe da luz.
Manga - prefira aquelas mais firmes, sem batidas, machucados ou manchas escuras. Se ficarem em local seco e fresco, duram até cinco dias. Mas, se não estiverem muito maduras, podem durar até duas semanas na geladeira. Já a manga madura, deve ser consumida em dois dias e devendo ser rejeitadas as que tiverem amassadas ou rachadas.
Maracujá - procure escolher aqueles que tiverem a casca lisa, firme, brilhante e sem machucados e que sejam mais pesados. Faça um teste para saber se está maduro, pressionando levemente sua casca com os dedos e se não romper, está pronto para ser consumido. Deixe em local seco e arejado e quando começar a amadurecer, ponha na geladeira e durará até duas semanas.  
Melancia - procure as maiores (já que as menores, em geral, são aguadas), com listras largas e que tiverem a casca firme e sem manchas escuras. Quanto mais escura for sua polpa, mais doce será. Se não puder ver seu interior e desejar saber se está boa, bata com os nós dos dedos na casca e se estiver no ponto, o som será oco. Conserve em local seco e arejado, por até duas semanas. Após ser cortada, coloque na geladeira envolvida com plástico filme transparente e consuma o mais rápido que puder. 
Morango - escolha morangos médios e pequenos, de cor vermelha intensa (evitando os verdes ou incolores), com talos verdes e que não tenham manchas nem machucados. Por serem vendidos embalados, devido sua delicadeza, observe bastante o estado das frutas no fundo da embalagem. Devem ser consumidos logo após a compra por serem bastante perecíveis. Jogue fora os morangos danificados ou com bolor e guarde na geladeira, por até três dias, inteiros e sem lavar, para evitar a formação de mofo. 
Pêra - prefira as que possuem a casca firme (sem ser dura, que demonstra que foram colhidas antes do tempo e logo murchará e ficará sem sabor), sem manchas de picada de insetos, rachaduras ou machucados. Se a casca estiver ligeiramente macia, cedendo um pouco ao toque, é sinal que está doce e saborosa. Se o cabinho sair fácil, está pronta para comer no dia. Por isso, mantenha o cabinho da fruta ao comprar. Quando estão fora do ponto, ficam escuras e moles por dentro. Lembre-se que algumas variedades de pêras não mudam de cor quando amadurecem. Guarde em local fresco, seco e arejado, evitando colocar na geladeira, pois faz com que ela perca parte de seu aroma e sabor. Mas, se precisarem conservá-las por mais tempo sem que passem do ponto, é melhor mesmo colocar na geladeira, já que o amadurecimento dela desacelerará. Se quiser amadurecê-las, coloque-as dentro de um saco de papel ou numa fruteira e deixe em temperatura ambiente até que amadureçam. 
Pêssegos - dê preferência aos pêssegos perfumados, lisos, brilhantes e com consistência firme – e não dura. Evite aqueles enrrugados ou com pontos macios, defeitos ou tingidos de verdes – que é um sinal que foi recolhido antes da hora. Eles não amadurecerão ou ficarão mais doces depois de colhidos, mas certamente ficarão mais macios e suculentos depois de um ou dois dias, se saído da temperatura ambiente. Para amaciar, coloque dentro de um saco de papel perfurado junto com uma maçã ou banana, pois elas acelerarão o processo com o gás de etileno emitido por elas. Depois de macio, se não for consumido imediatamente, colocar no refrigerador dentro de um saco plástico por alguns dias. Quando for usar, retire-os do refrigerador e deixe em temperatura ambiente antes de consumir para aumentar seu sabor.
Tangerina (mexerica ou bergamota) - escolha as mais firmes, de cor viva e brilhosa, sem sinais de bolor ou podridão e as mais pesadas em relação ao tamanho. Mas, durante o começo da safra, sua aparência ainda é um pouco verde, mas seu sabor já está pronto para consumo. Evite aquelas que contém a casca murcha. Conserve em local fresco e arejado, fora da geladeira. Para saber se está boa, verifique seu bico, pois quanto mais firme estiver, melhor a qualidade da fruta. Quando estiverem maduras, duram de quatro a cinco dias em temperatura ambiente e, depois, começam a amolecer e criar bolor.
Uva – escolha aquelas mais carnudas e que estão bem presas nos caules (se soltarem facilmente, é sinal de que estão passando do ponto). Prefira os cachos mais cheios e sem falhas e manchas. As uvas verdes são melhores quando começam a amarelar.as rosadas, quanto mais cor viva, melhor. Balance os cachos para ver se os frutos se soltam e se ocorrer, prefira outros que não soltem. Antes de guardar, retire os bagos estragados para não contaminar os demais e deixe na gaveta de legumes da geladeira por até cinco dias. 
Hoje, foi a vez das frutas, mas ainda vem por aí as verduras e legumes!
Então, antes de ir às compras, imprima estas e as próximas dicas para se dar bem na hora de escolher e conservar!!!

*Para quem quiser saber de mais dicas na hora de ir ao supermercado, veja também esta matéria!!! 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...