Gelinho de Couve-folha

 • 

Feliz Ano Novoooooo!!!! Hahahahaha Ué, ainda não tinha aparecido aqui, desde então, né?! Então, desejo um ano maravilhoso para todos e para começar com um super pé direito, estou pensando e bolando vários posts para tornar a vida da gente melhor, tanto física, quanto mentalmente e espiritualmente. E hoje, é a vez do maravilhoso gelinho de couve que muitas leitoras já tinham pedido para ensinar e aqui vai o passo a passo bem simples. Sem mistério!!!

Ahhh, e para aqueles que já pensarem num enorrrrrme “eeeeca” (como eu também pensei, quando vi pela primeira vez esta ideia), não é ruim. Aliás, nem se sente o gosto dele, porque uso para fazer um suco em jejum pela manhã e coloco outras frutas e até verduras. Já falei desse suco lá no face e qualquer dia posto eu montando ele para vocês também. Acreditem em mim, assim como acreditei quando me disseram, e use o gelinho nos seus sucos, nas suas comidas, no seu feijão, seja lá onde você quiser. Como ele vai estar congelado, vai durar meses (se não acabar rápido, como é aqui em casa, devido ao meu enorme consumo… hahaha) no freezer.

Para quem não sabe e precisa de um estímulo a mais pra utilizá-lo, saiba que a Couve-folha, por ter o magnésio em parte da sua clorofila (a substância verde que dá esta cor para ela), renova as células do nosso corpitcho. Ou seja, gatos, ela dá um UP no visual, porque rejuvenesce. Além disto, ela ainda:

- Ajuda a eliminar gordura;

- Melhora o humor;

- Regula os hormônios;

- Desintoxica o organismo (dos conservantes e produtos químicos que tem todos os alimentos que ingerimos ao longo da vida);

E………………………………. o THE BEST………………… O MELHOR………..

- Combate a celulite!!!!!!!!!!! #mulheradaindoaloucura

Eu viciei, e vocês, vão também?! Alguém já toma???? Compartilha com a gente a opinião e os efeitos dela na vida de vocês… É mais um estímulo!!!

Forro de Gesso e Sancas: qual a diferença?

 • 

Muita gente não sabe a diferença entre sanca e forro de gesso/rebaixamento. Aliás, muitos acham que é até a mesma coisa e é super normal se confundir, pois não temos muitas explicações em lojas, sites e projetos que encontramos. Na verdade, são coisas diferentes, embora o objetivo de ambos seja “mudar o teto” e/ou auxiliar na iluminação, direta (com foco determinado) e/ou indireta (dispersa, sem foco).

Para vocês entenderem melhor, vou explicar mais detalhadamente:

As sancas são aquelas aberturas da iluminação no teto usando a laje do imóvel como refletor; ou seja, a laje do imóvel fica aparente. Então, se tiver algum defeito, ela será visível, principalmente, se a iluminação for indireta – aquela que se dispersa no teto. Assim, as sancas podem ser:

- Aberta = quando as lâmpadas ficam embutidas dentro da própria sanca rebatendo a luz no teto, iluminando indiretamente e criando este efeito que dá a sensação de que a luz está saindo do teto. É muito usada em salas e halls sociais. Pode ainda, usar também a iluminação direta.

- Invertida = em vez de ser voltada para o meio do teto, fica voltada para os cantos, as paredes. O meio, neste caso é todo fechado e só os cantos abertos com a iluminação interna invisível refletindo nas paredes e teto.

- Fechada = é completamente fechada em gesso e sua iluminação só é feita diretamente através de spots (aquelas luminárias pequenininhas que tem direção, sabem qual é?!).

os Forros de Gesso/Rebaixamento são aqueles espaços afastados alguns centímetros da parede, criando um vão pequeno entre o teto e a parede, dando a impressão de que o teto está flutuando. É diferente da sanca invertida, pois neste caso, não há luz embutida refletindo nas paredes ou teto. A iluminação usada é a direta, através de spots. Também não se configura Sanca Fechada, porque aqui o teto tem rebaixamento (afastamento da laje do imóvel) e na Sanca Fechada, é feita diretamente na laje sem aberturas.

Deu pra entender agora?! São alguns detalhes que fazem toda a diferença entre o que é um e outro, mas todos são lindos e causam lindos efeitos no projeto. Atualmente, tem se usado mais forro de gesso, mas alguns clientes ainda pedem bastante as sancas, principalmente, aquelas que tem o cortineiro junto (o que muitos já acham que está fora de moda e não é… A sua casa é a sua cara, o que você gosta e pronto).

 Então, depois de destrinchar essa confusão, irão conseguir entender melhor e saber do que vão querer quando for pedir para o Arquiteto o projeto da casa de vocês. ;)

 

Ahhh, Forro de Gesso é, normalmente, também chamado de Forro Tabicado ou Sombreado. ;)

Quem ainda tiver dúvida, é só mandar pelos comentários abaixo!!! Ajudarei sempre no que puder!!!

Beijoooooooo.

 

Atualização: Correção de texto da montagem: Não é Dorsel e sim Dossell. ;)

Via: 123

 

Colour Futures 2014 e suas tendências

 • 

Acabou mais um ano e, com isso, vem a cor e as tendências novas, para que a gente possa estar sempre na moda e astral com ano novo. Como todos os anos, o Colour Futures faz um estudo e anuncia para o mundo qual a cor que será do ano que chega. Desta vez, é a hora do azul-esverdeado. Eu amo esta cor!!! Antes mesmo de saber dela, já havia pensado em colocar uma parede do meu quarto neste tom, pois une duas cores super relaxantes e próprias para o descanso: o azul e o verde; ou seja, harmonia e tranquilidade total.  Assim, nem fica muito cara de céu e nem de plantinha. Colour Futures, adorei sua descoberta!!!

Quem quiser, pode combinar este azul-esverdeado com o verde-menta ou esmeralda. Vai ficar lindo e sem perder o toque de frescor. Mas, se preferir algo mais discreto, basta escolher tons mais neutros para contrastar, como o nude, madeira, etc.

Mas, o melhor ainda é que sempre junto com a cor do ano, vem as tendências da paleta de cores que serão mais utilizadas e apropriadas também e, sem dúvida, uma das mais lindas que já vi nestes anos publicados por eles.

As cores da paleta Revolução Silenciosa é bastante sutil, silenciosa, repousante, demonstrando bastante modernidade e aconchego. A ideia é poder combinar com diferentes tons de branco e neutros médios, para trazer uma sensação mais agradável e clean.

Prova Substancial é composta por tons neutros masculinos e toque arquitetônico, resultando num visual forte. O azul esverdeado, vermelho-escarlate e ocre dão uma outra opção às cores primárias e conseguem equilibrar e complementar os materiais naturais como madeira, mármore, etc.

É bastante alegre e inovadora, a paleta Étnico Urbano. Se quiser combinar com outros tons, a boa dica é usar tons similares aos propostos. Busca captar o passado, mas de maneira contemporânea.

A quarta tendência, o Jardim Secreto, é recheada de tons suaves, neutros, com cores bem leves e sutis, como lilás e cinza. Para criar uma sensação de tranquilidade, vale aproveitar os vários tons de verde, indo do escuro até o menta. Assim, os tons neutros estarão sempre combinando com outros que deem um pouco de cor, como rosa e lavanda também.

A última tendência é a Faça Agora. Ou seja, manda ver mesmo!!! São várias cores marcantes, que podem ser contrastadas ou combinadas, dependendo se deseja criar algo mais chamativo ou discreto. O amarelo-limão é uma cor linda, de destaque e de frescor.

 

Lindas as cores, né gente?! Gostaram da cor do ano de 2014? Eu adorei!!! Vou adotar!!!

Nas tendências, fiquei apaixonada pelo Jardim Secreto e o Étnico Urbano.  Qual a paleta preferida de vocês?

 

 

Colour Futures 2014

Belos Home Theater e seus projetos

 • 

Já comentei com vocês no início do ano que uma das metas para 2013 era trocar meu Home Theater, né?! Eu até ia, apareceram umas propostas de parceria e acabou que não rolou. Mas, como estamos nos últimos dias do ano, precisamos ter em mente o que de bom fizemos e concluímos e o que precisamos traçar pra 2014!!! Esse é um deles: novo home theater lá pra casa!!! E dessa vez, sai.

O grande problema é escolher QUAL. Eu quero todos, gente! Amo todos. Hahahahahaha É complicado escolher coisas pra minha sala, porque é um local que costumo ficar bastante com o marido vendo filme, conversando. Aí quero tudo, pra uma casa pequena. Complica. Hahahaha

Adorei estas ideias e seus projetos são bem simples, tranquilos e se não acharmos nada parecido já pronto, podemos encomendar ao marceneiro, aliás, lojas de móveis planejados, pois sou mais a favor, em muitos casos. No meu caso, e sei que muitos de vocês também, preciso pensar em algo que seja fácil para transportar, pois ainda moro de aluguel. Quem já tá na casa própria, pode se esbaldar e escolher qualquer um. Mas, mesmo tendo este detalhe, a variedade é tão grande, que dá pra escolher um bacana, do nosso gosto, pro nosso bolso e que dê pra tirar do local sem dano depois.

Se esbaldem, assim como eu! :)


 

Imagens: Casa.com.br

Salvando os esquecidos e desorganizados

 • 

Eu sou uma pessoa super esquecida, confesso, confesso, confesso… Mas, tenho sempre buscado criar técnicas para que isto não aconteça, porque sou extremamente perfeccionista (e isto não é nada bom, eu também sei…) e esquecer me deixa muito indignada. hahahahaha Mas, mesmo assim, acontece, e eu tento “aceitar”.

Só que tem coisas que a gente não pode esquecer, como tem outras que se não for lembrada, atrapalha nosso dia-a-dia, porque perdemos muito tempo procurando, lembrando, organizando. Então, para os esquecidinhos (e desorganizados de plantão, tipo eu, também que, embora seja organizada, não sou nem 1/3 do que queria ser e sempre rola uma baguncinha…) etiquetar é a solução. Como diz meu irmão para tudo que é muito bom: é vida! hahahaha

Daí fui  buscar algumas ideias pra me ajudar e ajudar vocês a entrarem em 2014 com a casa e a vida mais etiquetada, ops, organizada. :D E tem umas que fiquei pensando: “Que massa!!! Como não pensei antes nisso?!”. Vocês também se pegam pensando assim? Porque eu vivo. Hahahaha

Olha só o que dá pra etiquetar, gente:

Separar as comidas por categorias.

Sim, eu sei que alguns já devem ter visto esta ideia, achou legal, mas não fez e o armário continua uma zona. Gente, usar cestos para organizar em categorias é uma sensacional solução, não só para quem não tem muito espaço, mas para quem quer aproveitar todo o espaço que tem, até nos locais mais altos. Sem contar que esteticamente é muito mais bonito, né?! Preciso de cestas assim para organizar itens que não costumo usar com frequência e aproveitar o vão que fica acima do armário da cozinha, totalmente perdido, e servido de criação de poeira (ô local chato pra limpar e pra sujar…).

 

Separar as comidas mais utilizadas e menores em recipientes etiquetados individualmente e, de preferência, transparente. 

É o mesmo raciocínio das categorias, mas aqui são vários potinhos que precisam, sim, estar separados e expostos individualmente, porque são alimentos que são costumeiramente usados e que precisam ser “lembrados” para ser usados na diária e não estragar. Já os das categorias, podem ser guardados em conjunto e quando quiser, puxa e escolhe qual vai querer.

Etiquetar data de abertura de potes e comidas, e os imensos fios de eletrônicos que tem. 

Não quer ter que jogar fora comida desnecessariamente (e seu $$$ também) ou não pegar aquele piriri brabo ao arriscar comer, a solução é etiquetar NA HORA que abriu. Não adianta deixar pra depois, gata. É na hora!!! Depois, fica depois, depois, depois… Por isso, tenha sempre perto de você na cozinha etiquetas e canetas (à prova d´água, se puder).

E se não quer surtar toda vez que precisar procurar o fio que precisa, ficando, muitas vezes um emaranhado pior que cabelo ao vento, é etiquetar e hoje existem vááááárias opções no mercado com este fim. Mas, se quiser economizar, providencie a sua, mas não deixe de fazer. Você vai ver que a sua vida será outra depois disso. Quando resolvi arrastar o rack da sala, desligar todos os aparelhos, limpar cada um e seus fios, e organizar tudo, saí com a alma lavada, juro. hahahaha Voltava lá várias vezes pra ver como ficou bacana. hahahahaha

Organizar em caixas etiquetadas com aquelas roupas que usamos com pouca frequência e/ou são pequenas e podem ser guardadas juntas.

 A melhor ideia master-power-plus que achei foi esta de guardar as roupas do bebê em caixas de plástico transparentes com etiquetas com os meses respectivos que serão usados. Assim, estarão limpas, protegidas e a mamãe aproveitará um super tempo não só por não ter que lavar novamente, como de achar a que quer. Gente, “sensa” isso. Não tenho filho ainda, mas olha aí para as mamães. Amei demais!!!

Local super visível para colocar TODOS os post-it urgentes e importantes que não podem ser esquecidos. 

A minha geladeira é quase um arquivo, porque o que tem de papel preso nela, “não tá no gibi” (aff, quanto tempo não falava isso, que old… hahaha). Escolhi lá porque é o lugar que, com certeza, irei todos os dias ao acordar e vou ver sempre. Confesso que já esqueci mesmo assim, maaaaasss funciona 95% das vezes.

Sensacional etiquetar com fotos dos sapatos ou desenhar com linha os produtos nas caixas.

Sabe o que pensei? Essa ideia do sapato deve ficar muito boa para as bolsas que não usamos muito, ou até que usamos mesmo e que não temos espaço para elas. Vou testar. :D

Nomear os itens da prateleira com letrinhas e quais as ervas em cada pote.

Aqui é para aproveitar os brinquedos dos filhos. Sabe aquele jogo Palavra Cruzada??? É ótimo para fazer estes nomes nas prateleiras, principalmente, se seu filho não usa mais. E claro, pegar aquele giz do quadro negro dele e nomear a sua hortinha. ;)

Digam se não dá pra ser mais feliz assim?! É vida total!!! Vamos adotar???

Beijos e lindo sábado pra vocês.

Imagens: 12 - 34

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...